Ribeira de Abade merecia outro cuidado

partilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Ontem, dia 11 de agosto, a Iniciativa Liberal esteve reunida com o movimento cívico contra a construção do hotel de Ribeira de Abade.

No dia 9 de abril deste ano, a Câmara Municipal ordenou suspender a obra, após ser pressionada pela CCDR-N e no seguimento da investigação realizada pela Inspeção-Geral da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território (IGAMOT) ao processo de licenciamento da empreitada.

Naturalmente, a Iniciativa Liberal defende a atração de investimento privado, a aposta no turismo e a consequente geração de postos de trabalho no concelho. Precisamos muito de crescer, mas não a todo o custo – com regras e ponderando todos os interesses envolvidos, desde o impacto económico às preocupações ambientais associadas.

No que respeita à construção de um hotel naquela zona de Ribeira de Abade, a Inicativa Liberal alerta, ainda, para a inevitável desvalorização da área residencial que ficaria nas sombras deste edifício, à semelhança do que sucedeu, mesmo ao lado, com o condomínio Concórdia. Toda a área envolvente tem vindo a registar um aumento de procura e um fenómeno de reabilitação urbana que pretendemos salvaguardar e impulsionar.

Apesar da suspensão e do “erro” já assumido pelo Executivo, o perímetro da obra encontra-se vedado, sem solução à vista. Acolhemos a proposta do movimento cívico de fazer nascer, naquele local, um jardim evocativo da História de Ribeira de Abade, designadamente do papel dos Barcos Valboeiros (ainda hoje utilizados na pesca do sável e da lampreia) e, assim, contribuir para a preservação da memória histórica deste lugar relevante de Gondomar.

Envia-nos as tuas sugestões!

Envia-nos as tuas sugestões!

Outras Formas de participar